sábado, 27 de dezembro de 2008

Cesta da Tribuna - 27 de dezembro

2008 - Um ano inesquecível - Parte 2
Encerro hoje, a retrospectiva do basquete de 2008, abordando as realizações do último trimestre e recordando os grandes colaboradores da modalidade nessa temporada.

Quinta melhor equipe escolar do país
O título da fase final dos JOCOPS garantiu à equipe do Colégio Santa Cruz o direito de representar o Paraná nas Olimpíadas Brasileira Escolar, realizada em outubro, em João Pessoa-PB. Apesar do desfalque do armador Ivan Falco e de ter caído na chave do time campeão (Minas Gerais), a equipe terminou a competição classificada como a quinta melhor equipe escolar do país.

Sul Brasileiro - um pequeno passo rumo à Liga
A participação da equipe adulta de Campo Mourão no 6º Campeonato Sul Brasileiro de Basquete Adulto foi um passo importante para a profissionalização da modalidade em nosso município. Para se ter uma idéia da importância da competição, basta dizer que, as outras equipes, sem exceção, já tiveram passagens pela Liga Nacional em algum momento de sua história. Londrina, Porto Alegre, Joinville, Caxias do Sul, Brusque, Blumenau, Lageado e Campo Mourão eram as equipes que buscavam uma das quatro vagas da fase final.

Um “pequeno” entre os grandes?
Certamente a classificação da equipe de Campo Mourão para o quadrangular final foi a maior surpresa da competição. Com um elenco jovem e com uma folha de pagamento diminuta, o time mourãoense soube valorizar o seu trabalho em equipe, a defesa agressiva e o apoio da torcida para surpreender a todos. Com três vitórias (Brusque, Porto Alegre e Caxias do Sul), os mourãoenses conquistaram a última vaga pelo saldo de pontos, uma vez que estavam empatados com os londrinenses (ULB) na quarta colocação. Na fase final, desfalcados de boa parte da equipe, não conseguiram suportar o maior ritmo imposto pelas outras agremiações, que se preparavam para a Liga Nacional de 2009.

O show no JK - a final do Paranaense
O ponto alto da temporada foi a final do paranaense adulto. O primeiro jogo, realizado em solo mourãoense, teve pouco mais de mil pessoas assistindo um grande espetáculo esportivo contra Londrina. Num jogo emocionante, decidido a favor de Londrina, apenas no segundo final, teve direito a “ola”, gritos de “Campo Mourão”, pressão sobre os adversários, sorteio de vários brindes, lances bonitos e emocionantes. Uma pena que foi a última apresentação da equipe em Campo Mourão em 2008, pois com certeza, se houvessem mais jogos, eles seriam prestigiados por bom público. O segundo jogo realizado em Londrina, com vitória dos anfitriões, garantiu o título aos londrinenses.

Jantar Festivo da Federação
A temporada 2008 encerrou-se com vários mourãoenses sendo eleitos pelo voto direto dos demais clubes como destaques em algumas categorias. Emerson de Souza foi eleito “técnico destaque”, Rafael Cortez foi considerado “melhor jogador cadete”, Campo Mourão venceu o quesito “clube destaque em 2008”, e o colunista que vos escreve venceu a categoria “dirigente destaque”. Nelson Tureck, Itamar Tagliari e a Faculdade Integrado também foram homenageados pelo desenvolvimento do basquete em nosso município. O jantar teve a presença da “rainha” do basquete, a ex-jogadora Hortência Marcari.

A contribuição da imprensa
O sucesso do basquete só é reconhecido pela comunidade mourãoense porque a imprensa contribui sobremaneira na divulgação das conquistas da modalidade. A Tribuna do Interior, além dessa coluna, oferece amplo espaço em seu caderno de esportes. O Carajás Esporte dedica o seu programa de terça-feira para falar sobre os acontecimentos do basquete. Rádio Rural, Rádio Musical, Rádio Colméia, Gazeta do Centro-oeste, O Liberal, sites da Rádio Rural, da TV Rural, da coluna do Ely, Boca Santa, o jornalismo da RPC (retransmissora da Rede Globo) e o noticiário da TV Cidade Sul também estão sempre informando os mourãoenses do que acontece no basquete. A imprensa mourãoense, nossos sinceros agradecimentos.

Os parceiros
A Faculdade Integrado é o maior patrocinador privado e a Fecam contribui financeiramente representando o poder público municipal. Sem essa parceira entre o público e o privado, esses resultados não seriam possíveis de ser realizados. A Fisioterapia Betel auxilia na recuperação dos atletas lesionados e Academia Dinâmica cede o espaço para a preparação física dos jogadores. Existe ainda mais de duas dezenas de empresas que contribuem de forma direta ou indireta com o basquete mourãoense. Valeu Galera.

Basquete - ótimo negócio
As reportagens sobre o basquete mourãoense publicadas em jornais diários foram coletadas e contabilizadas. O resultado foi o seguinte: 205 matérias publicadas, sendo que 17 delas eram chamadas de capa, 48 foram títulos principais no alto da página, e 135 continham fotos. A soma da área total dessas reportagens foi de quase 57 mil cm2. Considerando que o cm2 é negociado por aproximadamente 1 real, conclui-se que, só de mídia impressa, o basquete deu um retorno publicitário de 57 mil reais. Isso sem levar em consideração os meios televisivos, de rádio, internet e as publicidades nos ginásios e uniformes. Empresários: abram o olho para esse ótimo negócio.

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

HOHOHOHOH

Feliz Natal a todos os leitores do nosso blog.
Aproveitamos a oportunidade para agradecer a todos os atletas, parceiros, colaboradores, patrocinadores, etc...etc...etc... que fizeram que o basquete tivesse um dos melhores anos de todos os tempos. E 2009 vai ser ainda melhor. Esperamos contar com vcs para essa nova caminhada que promete ser ainda mais audaciosa... 2009 não...2010 talvez... que venha a Liga Nacional...
Fiquem com Deus...
ABs
China

sábado, 20 de dezembro de 2008

Fotos do jantar da Federação








Cesta da tribuna - 20 de dezembro

2008 - Um ano inesquecível - Parte 1
Na coluna dessa semana e na próxima, faremos uma retrospectiva dos melhores momentos do basquete mourãoense na atual temporada. 2008 foi um dos mais vitoriosos na história da modalidade em Campo Mourão, graças a uma série de acontecimentos que serão relatados a seguir.

A contratação do técnico Emerson
Sem dúvida, a principal razão do sucesso do basquete foi a chegada do técnico Emerson Luis de Souza. No mês de janeiro, o técnico que já foi terceiro lugar no Brasileiro de basquete em 2006, campeão paulista da A2, das categorias de base em diversas oportunidades e campeão paranaense adulto em 2006, foi contratado pela FECAM para conduzir as equipes mourãoenses. Emerson mereceu a confiança do secretário de esportes Itamar Tagliari para liderar o processo de profissionalização do basquete. Os resultados que vieram a seguir são prova de que a contratação foi acertada.

Fundação da AMOBASQUETE
A segunda ação fundamental foi a criação da Associação Mourãoense de Basquete, fundada para contribuir com a modalidade nos mais diversos aspectos e categorias. A Associação reuniu lideranças municipais em torno do desenvolvimento do Basquete e na sua primeira gestão contou com a minha pessoa na presidência, Izidoro Bueno no cargo de vice, Anderson Nicola como tesoureiro e Iduarte Lopes Júnior como secretário.

Campo Mourão sedia o Brasileiro Juvenil
A Prefeitura de Campo Mourão, através da Fecam, solicitou a sediação do Brasileiro Juvenil e em virtude da reconhecida capacidade de organização de eventos esportivos de nosso município, a Confederação Brasileira de Basketball concedeu essa oportunidade. O Brasileiro foi um show, em especial a partida final entre gaúchos e paranaenses, decidido no segundo final em favor dos anfitriões. Quem assistiu àquela partida, certamente não perdeu mais nenhum jogo no JK.

Mourãoenses na seleção paranaense
Campo Mourão foi a cidade que mais cedeu jogadores para a seleção paranaense juvenil. Quatro jogadores, além do técnico Emerson, foram convocados: o lateral Rafael Cortez, os pivôs Maurício Ceolim e Rick Filenni e o armador Zé Pekeno. Campo Mourão ainda sediou duas fases de treinamento dessa seleção, possibilitando um grande intercâmbio entre os melhores atletas do estado (17 anos) e nossos jogadores.

Cortez - cestinha do Brasileiro
A final do Brasileiro Juvenil, realizada em Joinville, acabou sem a definição do título, uma vez que a competição foi interrompida pelas chuvas ocorridas na região. A seleção do Paraná iria disputar a quinta colocação, mas mesmo sem a realização da última rodada, o lateral mourãoense Rafael Cortez foi o cestinha do Campeonato Brasileiro Juvenil.

Basquete Cidadão - projeto modelo
Quase 300 crianças, de 9 escolas públicas, participaram das escolinhas de iniciação ao basquete. Os garotos treinam em sua própria escola, em contra-turno, sem pagar nenhuma taxa e ainda recebem uma camiseta de uniforme. As escolas recebem bolas para os treinos e não tem despesa com os instrutores. Os primeiros frutos estão aparecendo, pois vários atletas revelados nesse projeto já defendem as seleções de Campo Mourão em competições oficiais.

Tri-campeão dos Jogos Colegiais
A equipe mourãoense, representando o Colégio Santa Cruz, chegou à Curitiba como principal favorita ao título, em virtude dos resultados de competições regionais da Liga Noroeste e de amistosos contra as melhores equipes do estado. Contudo, derrotas para Londrina e Cascavel colocaram em cheque esse favoritismo. Os nossos jovens jogadores, apesar de colocados contra a parede e amargurando uma fase de falta de confiança, souberam dar a volta por cima, deram o troco nas equipes que os derrotaram e trouxeram o tri-campeonato dos Jogos Colegiais do Paraná para nosso município.

De volta à elite dos JOJUPS
Depois de 9 anos consecutivos disputando a divisão A dos Jogos da Juventude, Campo Mourão compete, em Cianorte, na divisão B, buscando a vaga que reconduziria a equipe à elite novamente. O título e a vaga vieram de forma invicta e inquestionável, com a equipe mourãoense vencendo os adversários sem dar chance alguma.

Japs - O bronze que poderia ter sido ouro
O time adulto de Campo Mourão se preparou com muito afinco para essa competição e acreditava na possibilidade de trazer o título dos JAPs, treze anos depois da última conquista. Contudo, a busca pelo ouro foi barrada pela equipe de Maringá, que com muita garra e coletividade conseguiu a vitória. Os mourãoenses tiveram que se contentar com o bronze, após a vitória sobre Marechal Rondon, na disputa pelo terceiro lugar.

Semana que vem tem mais
Não perca a próxima coluna, pois ainda falta contar muita coisa boa que aconteceu.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Juventude 91 é bom?

Acredito que essa mudança pode melhorar, a médio prazo, o esporte amador do Paraná, especialmente as equipes adultas.
Essa afirmação baseia-se no seguinte argumento: caso as equipes consigam que seus atletas joguem até os 18 anos, elas terão uma boa base para montar uma equipe adulta, já que atletas nessa faixa etária estão muito próximos da maturidade.
Dessa maneira uma equipe juventude (18 anos), com dois ou três reforços, pode representar muito bem seu município nos Jogos Abertos. Outro ponto que pesa é a existência de duas competições oficiais para a mesma faixa etária (JOCOPS e JOJUPS).
A maior crítica a essa alteração vem dos municípios menores que alegam que seus atletas ao terminar o ensino médio migram para um centro maior para fazer um curso superior. Isso tem fundamento, contudo, acredito que a mudança era necessária.
Há outros aspectos a se refletir. O fortalecimento dos Jogos Universitários é outro ponto que pode contribuir sobremaneira no desenvolvimento do esporte amador, desde que levado como uma competição esportiva e não uma festa. Cabe aos técnicos a responsabilidade de dar credibilidade a essa competição.
O Paraná tem uma particularidade que, na minha opinião, precisa ser pensada. O esporte recebe uma fatia (de recursos financeiros) muito grande do poder público e isso leva os dirigentes municipais a cobrar uma performance maior nos jogos Abertos e Juventude, deixando de lado a participação nas competições das federações especializadas. As equipes esportivas não podem treinar durante um ano inteiro para competir apenas uma semana.
Precisamos que os dirigentes busquem mais recursos na iniciativa privada e provoquem campeonatos estaduais mais competitivos. Os campeonatos da federação não podem ser elitistas e excludentes, daí a parcela de responsabilidade das federações, buscar recursos e parcerias que proporcionem o subsídio de taxas de arbitragem.
Na verdade, esse texto é apenas provocador. Não tem objetivo de dar a solução de um grave problema do esporte paranaense.

CM é destaque na premiação da Federação de Basquete


A Federação Paranaense de Basketball realizou na noite desta segunda-feira (15) em Curitiba a premiação aos melhores do ano do basquete paranaense. A cidade de Campo Mourão foi o grande destaque sendo premiado em várias categorias. Estiveram presentes na festa de encerramento a ex-jogadora Hortência Marcari e representantes do basquete de todo o Estado.

Foram premiados: como técnico destaque 2008, Emerson Luis de Souza, o melhor atleta cadete foi Rafael Cortez e o dirigente destaque eleito foi Edson "China" Hirata. O Colégio e Faculdade Integrado foi homenageado pelo patrocínio e incentivos ao basquete mourãoense. Além desses prêmios individuais a equipe do Integrado/Fecam foi a mais votada no quesito Clube Destaque de 2008. O Município de Campo Mourão e a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer foram homenageados com premiações e certificados de reconhecimento ao desenvolvimento do basquetebol na cidade.

fonte: Portal Rádio Rural

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Jogos da Juventude será 91 novamente

Foi definido no último final de semana em Seminário da Paraná Esporte que no ano de 2009 os Jogos da Juventude do Paraná serão disputados por atletas nascidos até o ano de 1991.
Essa é uma ótima notícia para o nosso basquete, pois podemos manter a base atual.

cesta da tribuna- 14 de dezembro

Federação homenageará “Melhores de 2008”
A Federação Paranaense de Basketball (FPRB) realiza anualmente uma enquete entre os clubes filiados para escolher os melhores do ano em diversas categorias, dentre elas: clube destaque, melhor jogador e jogadora nas categorias adulto, cadete, infanto, infantil e mirim, dirigente destaque, atletas revelação, árbitros destaque e revelação, premia ainda as pessoas e entidades que desenvolvem o basquete no Paraná.

Jantar de gala com Hortência
Os homenageados e convidados participarão de um jantar festivo em Curitiba, na próxima segunda-feira (15 de dezembro), em um restaurante no Bairro Santa Felicidade. Dentre os convidados, presença especialíssima da Rainha “Hortência”, ex-jogadora da seleção brasileira e atleta incluída no Hall da Fama do basquete.

Emerson é o técnico destaque 2008
Na temporada 2008, o técnico mourãoense Emerson Luis de Souza arrebatou os títulos dos Jogos Colegiais, Jogos da Juventude B, Brasileiro Juvenil (Zonal 4), levou ainda a medalha de bronze nos JAPs, medalha de prata no Paranaense adulto, quarto lugar no Sul Brasileiro Adulto e quinto lugar no brasileiro escolar. Fora todos esses títulos, o técnico conduz o trabalho social, coordenando o projeto que atende 300 crianças de escolas públicas em Campo Mourão. Vale lembrar que em 2007, Emerson já havia sido eleito.

Cortez eleito melhor atleta cadete
Rafael Cortez também recebe a homenagem pela segunda vez consecutiva. Não é para menos, pois Cortez esteve presente em todas as competições citadas acima junto com o técnico Emerson. O jovem, de apenas 17 anos, foi uma das gratas revelações do time adulto, uma vez que assumiu com muita qualidade a oportunidade que lhe foi dada.

Dirigente destaque também é mourãoense
Como não é fácil falar sobre isso, vou apenas relatar brevemente que o colunista que vos escreve e que atua como diretor do basquete mourãoense, foi eleito como dirigente destaque do basquete do Paraná.

Campo Mourão é indicado como “Clube destaque”
Certamente esse é o título mais importante. Clube destaque pode ser entendido como a equipe que ficou em evidência por aspectos distintos como o trabalho com as categorias de base, com o time adulto, com projetos sociais, dentre outros atributos. Acredito que é o somatório disso tudo que os filiados levam em conta ao votar em um clube destaque.

Itamar Tagliari e Nelson Tureck serão homenageados
A FPRB também homenageia os dirigentes que apóiam de maneira diferenciada o basquete. Dirigentes esportivos e municipais que tem atuação proeminente para o desenvolvimento da modalidade em sua cidade são lembrados e recebem justa homenagem nesse evento. Tureck e Tagliari foram lembrados pelo apoio que o poder público municipal dá ao basquete.

Faculdade Integrado
Outra homenagem merecida foi destinada à Faculdade Integrado, uma das principais responsáveis pelo desenvolvimento do basquete no município de Campo Mourão. Integrado e Fecam fazem uma parceria, entre iniciativa privada e poder público, que possibilita a participação das equipes mourãoenses em competições, pagamento de atletas, estrutura para os treinamentos e para o projeto social. É um “negócio” onde as três partes saem ganhando. O basquete ganha credibilidade e títulos, a Fecam vê seu trabalho no esporte sendo espalhado pelo país e o Integrado fixa a sua imagem e marca a uma equipe vencedora e demonstra a comunidade a sua preocupação com o desenvolvimento de cidadãos.

Eleições na Federação de Basquete
Está marcada para o início de 2009, a eleição para eleger a nova diretoria da Federação Paranaense de Basketball. Até o momento, apenas uma chapa está se mobilizando e ela é encabeçada pelo atual presidente Amarildo Rosa.

Repercussão da final
A partida final realizada em Campo Mourão e que teve vitória londrinense no último segundo teve elevada repercussão na comunidade mourãoense. Jogadores e dirigentes foram muito solicitados a falar sobre o assunto nos mais variados ambientes. O ginásio lotado e a cobertura da imprensa foram fatores que contribuíram para esse fenômeno. Parece estar nascendo com muita força mais um atrativo para quem curte espetáculos esportivos.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Mourãoenses receberão prêmios

A Federação Paranaense de Basketball realiza no final de cada ano uma eleição entre seus filiados para eleger os melhores do ano em várias categorias e premia os mais votados em um jantar festivo com várias celebridades da modalidade.
Nessa temporada, Campo Mourão foi premiado em várias categorias. Os clubes do Paraná elegeram o mourãoense Emerson Luis de Souza como técnico destaque, o melhor atleta cadete foi Rafael Cortez e o dirigente destaque eleito foi Edson “China” Hirata. Além desses prêmios individuais Campo Mourão foi o mais votado no quesito Clube destaque de 2008.
Segundo o técnico Emerson Luis de Souza esses prêmios são muito importantes. “É o reconhecimento da comunidade esportiva pelo trabalho sério que estamos tentando fazer em Campo Mourão. Isso serve de motivação para a próxima temporada. Dedico esse prêmio aos nossos atletas e nossos principais apoiadores: Fundação de Esportes e Faculdade Integrado,” declarou Souza.
Mais votado como dirigente destaque de 2008, Edson “China” Hirata credita o sucesso do basquete mourãoense ao técnico Emerson. “A chegada dele foi um marco para a modalidade. O Emerson é um profissional perfeccionista e muito trabalhador. Outro ponto importante é o apoio da Fecam e do Integrado que nos possibilitam ter uma equipe de rendimento, ter trabalho nas categorias de base e iniciação esportiva e principalmente contribuem para que possamos atender 300 crianças de escolas públicas no nosso projeto social Basquete Cidadão,” recorda China.
O outro premiado, Rafael Cortez, ficou entusiasmado com a notícia. “É a segunda conquista consecutiva. Agradeço ao Emerson pelos ensinamentos e a Campo Mourão pelas oportunidades que tive esse ano. Joguei um brasileiro juvenil, um brasileiro escolar, o sul brasileiro adulto, a final dos jogos abertos e a final do paranaense adulto. Sei que não é qualquer equipe e técnico que confia em jogadores jovens como eu, por isso tenho que valorizar essas oportunidades”, relata Cortez.
Na oportunidade também serão homenageados o secretário de esportes Itamar Agostinho Tagliari e a Faculdade Integrado em reconhecimento ao desenvolvimento da modalidade em nosso município.
A festa de encerramento da Federação Paranaense de Basketball acontecerá na próxima segunda-feira, dia 15 de dezembro, e contará com a presença da ex-jogadora Hortência Marcari, do prefeito de Curitiba Beto Richa e do deputado federal Luis Carlos Setim.

sábado, 6 de dezembro de 2008

Confira a lista de homenageados no Jantar Festivo da Federação

FPRB divulga homenageados para o jantar festivo do dia 15
A Federação Paranaense de Basketball (FPRB), patrocinada pela Aquarius Fresh, Frigorífico Argus, Unimed Curitiba, Penalty e Paraná Esporte, divulgou na manhã desta sexta-feira (05), a relação das homenagens que serão entregues no Jantar Festivo de Encerramento das Atividades de 2008.

Jantar Festivo de Encerramento das Atividades do ano de 2008
Data: 15 de dezembro de 2008, às 20 horas;
Local: Restaurante Dom Antônio;

Homenagens 2008

1- Clube destaque 2008:
Integrado/ Fecam/ Campo Mourão

2- Dirigente destaque 2008:
Edson Hirata (China) - Integrado/ Fecam/ Campo Mourão

3- Atleta Mirim Masculino destaque 2008:
Daniel Barbieri – Ninfa/ Incomar/ Toledo

4- Atleta Infantil masculino destaque 2008:
Marco Antônio Vollet Marson – Sepam/ Unimed

5- Atleta Infanto-juvenil masculino destaque 2008:
Guilherme Zanluchi da Silva – ALB/ FEL/ Colégio Portinari/ Londrina

6- Atleta Cadete Masculino destaque 2008:
Rafael Cortez - Integrado/ Fecam/ Campo Mourão

7- Atleta Adulto Masculino destaque 2008:
Rodrigo de Camargo Santana – ADL/ Inesul/ Londrina

8- Atleta Mirim Feminino destaque 2008:
Mariana Lena Sassi – APAB/ Realeza/ Colégio Real

9- Atleta Infantil Feminino destaque 2008:
Natália Stephanie Leme Saar – São José dos Pinhais/ Pilares

10- Atleta Infanto Feminino destaque 2008:
Aruzha Michaski Lima – Círculo Militar/ Dom Bosco/ Clinihauer

11- Atleta Cadete Feminino destaque 2008:
Keila Kelnior – ABATAC/ La Salle/ Toledo

12- Atleta Juvenil Feminino destaque 2008:
Francine Paula dos Santos – Ponta Lagoa/ Neo Master/ SER

13- Atleta Adulto Feminino destaque 2008:
Larissa Guzzo Pedroso – Ponta Lagoa/ Neo Master/ SER

14- Atleta revelação masculino 2008:
Daniel Barbieri – Ninfa/ Incomar/ Toledo

15- Atleta revelação feminino 2008:
Bruna Nathiely Werberich – Colégio Alfa/ Medianeira

16- Técnico naipe masculino destaque 2008:
Emerson de Souza – Integrado/Fecam/Campo Mourão

17- Técnico naipe feminino destaque 2008:
Elias Rudek – Colégio Alfa/ Medianeira

18- Oficial de Basquetebol destaque 2008:
Edson Gonçalves de Jesus – Coronel Vivida

19- Oficial de Basquetebol revelação 2008:
Vinícius Simões da Silva – Apucarana

20- Romildo Andrade Fagundes
Idealização da Copa Metropolitana Adulto Masculino

21- Flávia Renata de Almeida
Ascensão ao quadro de árbitros internacional

22- Cristiano de Jesus Maranho
Primeiro oficial paranaense a arbitrar uma edição dos Jogos Olímpicos

23- Silvio Zanini
Técico da Seleção Paranaense medalha de prata no Campeonato Brasileiro Sub-15 Feminino

24- Carmem Rachel Rosa Lima Cunha e Silva
Técnica da equipe campeã Paranaense adulta feminina

25- Hamilton de Souza Azevedo
Técnico da equipe medalha de prata na Olimpíada Escolar Brasileira – Divisão Especial

26- Luiz Antônio Rodrigues Neto
Técnico da equipe medalha de bronze na Olimpíada Escolar Brasileira – Primeira Divisão

27- Colégio Mãe de Deus de Londrina
Medalha de prata na Olimpíada Escolar Brasileira – Divisão Especial

28- Colégio Sepam de Ponta Grossa
Medalha de bronze na Olimpíada Escolar Brasileira – Primeira Divisão

29- Spaipa SA – Indústria Brasileira de Bebidas
Patrocinador oficial da FPRB

30- Frigorífico Argus
Patrocinador oficial da FPRB

31- Cambuci – Penalty
Patrocinador oficial da FPRB

32- Unimed Curitiba
Patrocinador oficial do Projeto “Centro de Desenvolvimento do Basquetebol de Curitiba”

33- Luiz Carlos Setim
Deputado Federal

34- Beto Richa
Prefeito de Curitiba

35- Neivo Antonio Beraldin
Secretario do Esporte e Lazer de Curitiba

36- José Candido Muricy
Presidente da Federação Paranaense de Basquetebol Master

37- Itamar Agostinho Tagliari
Presidente da Fundação de Esportes de Campo Mourão
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

38- Silvio de Tarso
TV Paraná Educativa

39- Marcelo Dias Lopes
RPCTV

40- Mauricio Diniz
TV Tarobá – Londrina

41- Nelson Comel
Tribuna do Paraná

42- Ozires Nadal Junior
Nova FM e site radiogol.com.br – Cascavel

43- Dirceu Caetano
Tribuna Esportiva – São José dos Pinhais

44- Paulo César Chanan Silva
Presidente da ADL/ Inesul/ Londrina
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

45- Marilda Formari
Diretora do Departamento Municipal de Educação, Cultura e Esporte de Pérola D’Oeste
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

46- Ivanir de Fatima Zambiassi Honesko
Presidente da APAB/Realeza
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

47- Carlos Magno Lettari dos Santos
Técnico da equipe de Goioêre
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

48- Elvis Edson de Carvalho
Técnico da equipe do Colégio Geração/ Astorga
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

49- Hugo Zadinello
Biscoitos Ninfa – Patrocinador do Ninfa/ Incomar/ Toledo
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

50- Faculdade Integrado de Campo Mourão
Patrocinador da equipe Integrado/ Fecam/ Campo Mourão
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

51- Colégio Dom Bosco de Curitiba
Patrocinador da equipe Círculo Militar/ Dom Bosco/ Dix Saúde
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

52- Colégio Portinari de Londrina
Patrocinador da equipe ALB/ FEL/ Colégio Portinari/ Londrina
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

53- Colégio Geração de Astorga
Patrocinador da equipe Colégio Geração/ Astorga
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

54- Colégio Real de Realeza
Patrocinador da equipe Colégio APAB/ Colégio Real/ Realeza
Desenvolvimento do Basquetebol em sua cidade

55 – Ana Jéssica Pinto – São José dos Pinhais/ Pilares
Medalha de prata no Campeonato Sul Americano Sub-15 Feminino

56 - Bruna Nathiely Werberich – Colégio Alfa/ Medianeira
Medalha de prata no Campeonato Sul Americano Sub-15 Feminino

57 - Natália Stephanie Leme Saar – São José dos Pinhais/ Pilares
Medalha de prata no Campeonato Sul Americano Sub-15 Feminino

Campo Mourão perde a segunda e leva o vice

A equipe de basquete masculino Integrado/Fecam/Campo Mourão perdeu a segunda partida da série melhor de 3 para Londrina e deixou escapar a chance de trazer um título inédito para Campo Mourão.
O time mourãoense iniciou a partida com muita vontade de vencer e trazer a decisão para a última partida, marcada para acontecer em solo mourãoense, se necessária. A estratégia da equipe era atuar com muita velocidade, ritmo intenso, marcação agressiva e muita infiltração, combinação que tinha como objetivo minar os londrinenses.
O plano de jogo foi seguido à risca pelos mourãoenses, que conseguiram carregar os anfitriões com faltas e provocaram um certo cansaço, contudo pelo lado de Londrina prevaleceu a experiência de jogadores como Rodrigo “Ratinho”, João Paulo, e Ratão, e o apoio da torcida. Cerca de seiscentas pessoas estiveram presentes no ginásio Sest/Senat.
Londrina esteve à frente a maior parte do tempo, chegando a abrir 12 pontos. Campo Mourão conseguiu reagir e quando faltavam pouco mais de um minuto e meio a diferença era de apenas dois pontos. Mas, erros sucessivos no ataque possibilitaram que Londrina aumentasse a diferença e fechasse o jogo em 86 a 78.
Segundo o técnico Emerson Luis de Sousa, o título ficou mais longe com a derrota em casa. “Sabíamos que não seria fácil ganhar em Londrina. Os atletas deram o seu máximo, mas não foi suficiente. A derrota em casa nos fez falta. A história poderia ter sido diferente. Mas, mesmo assim faço uma avaliação positiva do que aconteceu nessa temporada. 2009 será ainda melhor”, promete o técnico.
O secretário de esportes Itamar Tagliari prometeu estudar um investimento maior na equipe de basquete. “O basquete está se consolidando e merece um investimento maior. Entretanto, precisamos verificar com cautela as possibilidades da FECAM. O que estiver ao nosso alcance, será feito para melhorar a estrutura da modalidade. Tenho consciência que os resultados alcançados foram superiores ao investimento, por isso, por merecimento, iremos estudar com carinho a situação do basquete”, promete Tagliari.
A equipe mourãoense é patrocinada pela Fecam e Faculdade Integrado, conta ainda o apoio da Academia Dinâmica e da Fisioterapia Betel e atuou com os seguintes jogadores: Carlos Bueno, Ivan Falco, Zé Pekeno, Rafael Cortez, Rogério Park, Fernandão Gomes, Cristian Almeida, Alex Passilongo, Maurício Ceolim, Rick Filenni e Gledman "Borracha" Lima. O time foi comandado pelo técnico Emerson Luis de Souza, pelo preparador Tiago Souza e teve os cuidados fisioterápicos de Rodrigo Furlan.

Cesta da Tribuna - 06 de dezembro

CM e a final do Paranaense adulto
O título do campeonato paranaense adulto de basquete masculino era para ser decidido numa série melhor de 3 partidas. A primeira partida foi marcada para Campo Mourão, a segunda para Londrina e a terceira, caso fosse necessária seria também em solo mourãoense.

O primeiro jogo - Uma festa
A cidade de Campo Mourão viveu uma noite mágica na última quarta-feira. Assistir ao jogo entre as equipes de Campo Mourão e Londrina era o foco principal de quem compareceu ao JK. Contudo, o público teve muito mais que uma partida emocionante. O espetáculo esportivo foi adornado com apresentações da banda municipal, foguetório na entrada dos atletas, “ola”, sorteio de brindes e muita comemoração nas cestas mourãoenses. Foi uma noite de festa.

Orgulho de ser mourãoense
“Venha comemorar com a gente o orgulho de ser mourãoense”. Essa frase de efeito parece que mexeu com os brios da comunidade, pois os gritos de “Campo Mourão” foram ouvidos durante a partida para incentivar a equipe anfitriã.

A partida
Campo Mourão teve um bom início de jogo, mas a alternância no placar foi constante durante a partida. Do lado dos visitantes, uma equipe experiente, cometendo poucos erros e tendo uma elevada porcentagem de acertos nos arremessos de 3 pontos e do outro, os anfitriões, com uma equipe jovem, empurrada por mais de mil torcedores, com marcação agressiva e muita velocidade. Essa combinação permitiu que o jogo inteiro fosse muito emocionante.

A definição do vencedor
O placar indicava que faltavam 6 segundos para o final do jogo e Londrina vencia a partida por 2 pontos, quando o lateral mourãoense Carlos Bueno recebeu uma falta. Carlos acertou os dois lances-livres empatando a partida e dando indícios que o resultado seria definido na prorrogação. Contudo, um arremesso convertido pelo lateral Rodrigo “Ratinho” no último segundo de jogo deu a vitória para equipe londrinense. Final 96 a 93. Apesar do resultado adverso, o comentário geral de quem assistiu a partida foi extremamente positivo em relação à equipe mourãoense.

O segundo e derradeiro jogo
Na partida realizada na noite de sexta-feira, no ginásio Sest/Senat, em Londrina, só a vitória interessava aos mourãoenses, pois em caso de nova derrota, o título ficaria com os londrinenses. Londrina esteve à frente a maior parte do tempo, chegando a abrir 12 pontos. Campo Mourão conseguiu reagir e quando faltavam pouco mais de um minuto e meio a diferença era de apenas dois pontos. Mas, erros sucessivos no ataque possibilitaram que Londrina aumentasse a diferença e fechasse o jogo em 86 a 78. O título mais uma vez ficou com os londrinenses e não foi dessa vez que Campo Mourão conquistou o título máximo do basquete paranaense.

Só quem conhece, valoriza
Disputar uma final de estadual adulto não é um fato corriqueiro, ainda mais para uma cidade do interior do estado com pouco mais de 82 mil habitantes. Bater de frente com a poderosa Londrina, de mais de uma dezena de títulos estaduais e com a tradição de ter atuado nas últimas 12 edições da liga nacional foi um marco histórico para o basquete. Por isso, ser vice-campeão é fato para se comemorar, para se ter orgulho e principalmente, apoiar as iniciativas dos dirigentes para alçar vôos mais altos.

Quem defendeu as cores de Campo Mourão
A equipe mourãoense foi armada por Ivan Falco, Carlos Bueno e Zé Pekeno. Nas laterais Finão, Rogério Rocha, Cortez e Gledman se revezaram e os pivôs Fernandão Gomes, Alex Passilongo, Cristian Almeida, Maurício Ceolim e Rick Filleni se encarregaram de garantir os rebotes do time. Henrique “Peixe” desfalcou a equipe nas finais por estar lesionado e Lobinho por não ter condições de jogo. A comissão técnica foi formada por Emerson Luis de Souza (técnico), Thiago Souza (preparação física), Rodrigo Furlan (fisioterapeuta), Izidoro Bueno (parte administrativa), Zulu (mordomo). Além desse grupo, é necessário salientar os patrocinadores Colégio e Faculdade Integrado e Fecam, e os apoiadores Academia Dinâmica e Fisioterapia Betel e os colaboradores da Amobasquete (Associação Mourãoense de Basquete).

Torneio de Trios
Os alunos das escolinhas do Projeto Basquete Cidadão estarão hoje à tarde, na praça da Catedral, participando de um torneio de trios. O evento começa às 14h e servirá como encerramento das atividades do projeto nessa temporada. Atualmente cerca de trezentas crianças são atendidas pelo projeto realizado nas escolas públicas do município e patrocinado pelo Colégio e Faculdade Integrado e Fundação de Esportes.

Festa de Encerramento do Citadino
Amanhã, às 20h, no Sesc, a Fundação de Esportes fará a entrega da premiação às equipes vencedoras do Citadino de Basquete 2008. Ao final, será servido um coquetel aos jogadores. A FECAM convida todos os participantes do Citadino de Basquete para participar do evento.

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Em jogo emocionante, Campo Mourão perde no último segundo.

A equipe Integrado/ Fecam/ Campo Mourão perdeu a primeira partida da final do paranaense adulto para Inesul/Londrina, em uma partida emocionante e decidida na última jogada, por 86 a 83 (51 a 42 no primeiro tempo). Os destaques da partida foram os atletas, Gledman Lima, de Campo Mourão, e Célio Guergoleto, de Londrina, que anotaram 23 e 21 pontos, respectivamente.
O primeiro período da partida foi muito disputado, com a equipe de Londrina a frente do placar por uma pequena vantagem (25 a 24). No segundo período, a equipe de Londrina abriu uma vantagem de nove pontos (26 a 18), e fechou o primeiro tempo em 51 a 42. Já no terceiro período, a equipe de Campo Mourão conseguiu a recuperação (06 a 19), passando a frente do placar por 61 a 57. Quando restavam 06 segundos para o fim da partida, a equipe de Londrina vencia por 86 a 84, e com dois lances-livres do atleta Carlos Bueno, de Campo Mourão, a partida ficou empatada. Quando tudo indicava a prorrogação, no último segundo, o atleta Rodrigo Santana, converteu um arremesso de três pontos, e deu a vitória para equipe de Londrina, por 89 a 86.
Segundo o técnico Emerson Luis de Souza, a vitória poderia ter acontecido. “tivemos a oportunidade de ganhar o jogo, mas desperdiçamos lances cruciais. Agora, temos que pensar no jogo de sexta-feira. Vamos corrigir alguns detalhes táticos e buscar a vitória na casa deles”.
A partida foi presenciada por pouco mais de mil pessoas, que fizeram uma grande festa, com direito a gritos de “Campo Mourão”, pressão sobre os adversários, “ola” e muita comemoração nas cestas mourãoenses. O torcedor e ex-atleta Lucas Spadotto estava eufórico. “Está é uma grande festa do basquete. Eu já estive lá dentro como atleta e sei que a força que essa torcida está dando é muito importante. É muito legal ver o JK lotado de pessoas torcendo pelo basquete mourãoense”, comemora Spadotto.
A equipe mourãoense é patrocinada pela Fecam e Faculdade Integrado, conta ainda o apoio da Academia Dinâmica e da Fisioterapia Betel e atuou com os seguintes jogadores: Carlos Bueno, Ivan Falco, Zé Pekeno, Rafael Cortez, Rogério Park, Fernandão Gomes, Cristian Almeida, Alex Passilongo, Maurício Ceolim, Rick Filenni e Gledman "Borracha" Lima. O time foi comandado pelo técnico Emerson Luis de Souza, pelo preparador Tiago Souza e ficou os cuidados fisioterápicos de Rodrigo Furlan.
As equipes voltam a quadra nesta sexta-feira (05), as 20h, no ginásio Sest/Senat em Londrina. Se vencer a partida, a equipe de Londrina conquista o título do Campeonato Paranaense Adulto Masculino. Em caso de vitória da equipe de Campo Mourão, a terceira partida será realizada neste domingo (07), às 11h, no ginásio JK, em Campo Mourão.

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

QUEM É QUEM: CONHEÇA O NOSSO ELENCO

Alex Passilongo, 23 anos, é o jogador mais alto da equipe. Ele tem 2m13 de altura e veio do interior de São Paulo para se firmar como grande reboteiro e melhorar o seu potencial ofensivo como pivô. Recentemente atuou por Ribeirão Preto e Assis-SP.

Gledman “Borracha” Lima, tem 26 anos e 2m de altura. Nascido em Sinop-MT, tem como características ser bom infiltrador e arremessador, ainda utiliza sua força física para ganhar faltas e rebotes. Tem sido um dos maiores pontuadores em boa parte das partidas da equipe.

Carlos Bueno atua como ala. Carlos é mourãoense, tem 20 anos e 1m84. Carlos é uma das boas opções para chutes de três pontos e por ser veloz e hábil, também atua como armador.

Ivan Falco é um dos principais armadores da equipe. Ivan é argentino, tem 16 anos, e apesar da idade, carrega em seu currículo vários títulos estaduais nas categorias de base, incluindo os da atual temporada. A sua velocidade e domínio de bola deram-lhe a chance de atuar como titular da equipe.

Rafael Cortez tem 17 anos, atua como lateral e é natural do interior de São Paulo. Foi convocado para a seleção paranaense e foi o cestinha do brasileiro juvenil realizado recentemente em Joinville. Seu ótimo aproveitamento em arremessos de média distância será uma arma importante contra Londrina.

Fernandão Gomes é pivô, tem 26 anos, é nascido em Criciúma-SC e tem 2m04. Sua força e presença debaixo da cesta serão muito úteis na defesa do nosso garrafão.

Rodrigo “Finão” tem 21 anos e faz a função de ala e pivô. Mesmo do alto de seus 2m08, demonstra agilidade e bom arremesso de 3 pontos. Finão jogou em Criciúma-SC e Assis-SP.

Rogério Park é nascido em Rolândia-PR. Ágil e bom infiltrador, vai ajudar a equipe mourãoense com a experiência de seus 26 anos. Rogério teve passagens por Londrina, Rolândia e Astorga. Essa é a terceira temporada do atleta em Campo Mourão.

Cristian Almeida e Souza é o mais experiente da equipe. Tem 33 anos e já atuou em Londrina, Dourados, Fortaleza, Teresina, Monte Líbano e Poá-SP. É reconhecido como líder dentro da quadra e fora dela. Jogador inteligente, aguerrido e técnico, terá atuação importante nessa decisão.

Rick Filleni tem 17 anos, é nascido em São José do Rio Pardo e atua como pivô. Rick é reconhecidamente um dos melhores marcadores da equipe. Esse ano participou das conquistas mourãoenses nas categorias de base e esteve presente no brasileiro juvenil.

Zé Pekeno tem 17 anos, curitibano e atua como armador. Bom chute de 3 pontos e boa visão de jogo são seus pontos fortes. Foi convocado para a seleção paranaense juvenil e participou dos títulos mourãoenses dessa temporada.

Maurício Ceolim tem 17 anos e é mourãoense. Maurício é pivô, tem 1m94, e esteve presente nos títulos de Campo Mourão nesse ano, além de ter sido convocado para a seleção paranaense juvenil.

Henrique “Peixe” Bertoni, tem 21 anos e veio da capital paulista. Está com o joelho lesionado e ficará de fora das finais.

O técnico Emerson Luis de Souza, tem 36 anos, é natural de São José do Rio Pardo e completa nesse ano, 20 anos de profissão. Entre suas maiores conquistas figuram o terceiro lugar no brasileiro de 2006, título paulista da A2 em 2000, e vários títulos paulistas nas categorias de base. Atualmente, o treinador responde pela seleção paranaense juvenil também.

2008- um ano inesquecível

O basquete de Campo Mourão não será mais o mesmo. O ano de 2008 foi um marco para a modalidade em função dos inúmeros acontecimentos ocorridos nessa temporada. É necessário voltar um pouco no tempo para entender essa afirmação.
Logo no início do ano, a primeira grande conquista: a contratação de um técnico de renome, Emerson Luis de Souza, foi contratado pela FECAM, e trouxe a experiência de ter conduzido a equipe de São José dos Pinhais a terceira colocação no Brasileiro de 2006 e a equipe de São José do Rio Pardo ao título da Divisão de Acesso do campeonato paulista de 2000.
Em abril, Campo Mourão sediou o Brasileiro Juvenil de Basquete - Zonal 4, cedendo quatro atletas e o técnico para a seleção do Paraná, fato inédito na história da modalidade. Não bastasse isso, o zelo da FECAM com a organização do evento e a final eletrizante entre paranaenses e gaúchos agradou e muito o público presente.
Na seqüência vieram os títulos estaduais nos Jogos Colegiais do Paraná e Jogos da Juventude - Divisão B e a medalha de bronze nos Jogos Abertos - Divisão A.
Contudo, o melhor ainda estava por vir. Campo Mourão conseguiu uma das 4 vagas para o quadrangular final do 6º Campeonato Sul Brasileiro de Basquete, deixando para trás equipes tradicionais como Londrina, Porto Alegre, Blumenau e Brusque. Infelizmente a competição, realizada em Joinville-SC, coincidiu com a participação mourãoense no Brasileiro Escolar, sediado pela cidade de João Pessoa -PB. Ainda assim, Campo Mourão conseguiu a quarta colocação no Sul Brasileiro e sagrou-se a quinta melhor equipe colegial do país.
E agora, para encerrar a temporada com chave de ouro, Campo Mourão se classificou para a final do estadual depois de quinze anos. Por tudo isso, o jogo dessa quarta-feira certamente será um espetáculo inesquecível.

Dia de decisão: CM x Londrina

Acontece, nessa quarta-feira, a grande decisão do campeonato paranaense adulto de basquete masculino envolvendo as equipes Integrado/Fecam/Campo Mourão e Inesul/Londrina. A partida está marcada para iniciar às 20h30, no ginásio de esportes JK. A entrada é gratuita e os organizadores prometem ampla distribuição de brindes.
Essa é a primeira decisão de um estadual adulto que conta com a presença de uma equipe mourãoense desde 1993, quando a equipe comandada pelo professor Billy enfrentou Ponta Grossa e terminou como vice-campeã do estado, ou seja, essa final já está completando quinze anos. A equipe atual tem a oportunidade de entrar para a história do município caso vença a série melhor de três partidas e conquiste o título inédito.
A Associação Mourãoense de Basquete (AMOBASQUETE) estruturou uma comissão para cuidar da divulgação e do entretenimento no intervalo. Um dos membros, Nelson Pedro Martins informou que vários brindes serão sorteados: bolas de basquete, tabela de basquete, cestas de natal, cesta de frutas, camisetas, e muito outros brindes. Martins lembra ainda que a partida terá portões abertos e que todos os presentes concorrerão aos brindes.
A equipe mourãoense é patrocinada pelo Colégio e Faculdade Integrado e Fecam, através da lei de incentivo ao esporte e tem o apoio da Amobasquete, da Academia Dinâmica e da Fisioterapia Betel. Os atletas que representarão Campo Mourão nessa disputa: Carlos Bueno, Ivan Falco, Zé Pekeno, Rafael Cortez, Rogério Park, Fernandão Gomes, Cristian Almeida, Alex Passilongo, Maurício Ceolim, Rick Filenni e Gledman "Borracha" Lima. O único ausente será o lateral Henrique "Peixe", que está com o joelho lesionado e não jogará mais nessa temporada.

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Festival prémirim em Londrina

Onze equipes particiaparam do festival, que foi apoiado pela Flex TV, foi acompanhado por inúmeros pais, que ficaram contentes com a participação de seus filhos. Um torneio rápido dinâmico e muito importante pra os atletas desta idade.
Equipes que participaram:
No masculino serão GRUPO A: AREL, LMB/Iate Clube/ Colégio São Paulo A e ALB Colégio Portinari, GRUPO B: Colégio Maria H. Davatz, LMB/Iate Clube/ Colégio São Paulo B e ALB Canadá. O feminino: AREL, LMB/Iate Clube/ Colégio São Paulo C, LMB/Iate Clube/ Colégio São Paulo A, LMB/Iate Clube/ Colégio São Paulo B e Colégio Mãe de Deus

No feminino tivemos a seguinte classificação:

1° Colocado: AREL
2° Colocado: LMB/Iate Clube/Colégio São Paulo C
3 Colocado: LMB/Iate Clube/Colégio São Paulo B

No masculino:

1° Colocado: ALB Canada
2° Colocado: AREL
3 Colocado: LMB/Iate Clube/Colégio São Paulo A

sábado, 29 de novembro de 2008

CM vence Astorga e terá vantagem na final

A equipe de basquete masculino de Campo Mourão venceu Astorga na última rodada da fase semifinal por 81 a 61.
Com esse êxito Campo Mourão empata com Londrina com três vitórias, mas como tem melhor saldo de pontos, levará a vantagem de jogar a terceira partida em casa, caso ela seja necessária. A final do paranaense adulto será disputada em melhor de três partidas. a primeira delas está marcada para acontecer nessa quarta-feira, às 20h30, no ginásio de esportes JK, com entrada franca.
A comissão técnica e atletas convocam toda a comunidade para ir torcer. Haverá amplo sorteio de brindes,dentre eles: tabela de basquete, bolas de basquete, camisetas, e outros.

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Sexta-feira - CM x Astorga pelo paranaense adulto

Campo Mourão enfrenta nessa sexta-feira, às 20h, a equipe de Astorga, pela última rodada da fase semifinal. A partida está marcada para a cidade de Astorga e só serve para indicar as classificações das equipes de Campo Mourão e Londrina e definir qual equipe terá o privilégio de jogar duas partidas em casa, caso haja necessidade da terceira partida, da série melhor de três.
A equipe mourãoense treinou muito forte durante a semana para buscar a vitória e garantir a primeira colocação dessa fase. De acordo com o técnico Emerson Luis de Souza, só a vitória interessa. "Temos de garantir a vantagem de decidir em casa, caso haja a necessidade do terceiro jogo. Estamos trabalhando para que a torcida lote o ginásio JK , na próxima quarta-feira, quando acontecerá a primeira partida da final e essa vantagem pode ser decisiva", comenta o treinador.
Campo Mourão viaja com os seguintes atletas: Cristian, Fernandão, Alex, Borracha, Finão, Maurício, Rick, Ivan, Cortez, Carlos, Rogério, e Zé Pekeno. A equipe será dirigida pelo técnico Emerson Luis de Souza e terá o fisioterapeuta Rodrigo Furlan tratando da recuperação dos jogadores.
A equipe de Campo Mourão é patrocinada pelo Colégio e Faculdade Integrado e Fecam, e tem o apoio da Fisioterapia Betel e da Academia Dinâmica.

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

BUZINAÇO NO SÁBADO

Os atletas,a comissão técnica e alguns basqueteiros apaixonados farão um buzinaço no sábado para divulgar a primeira partida da final do paranaense.
A concentração para o buzinaço será no ginásio Jk,às 10h45. Logo após o buzinaço, os atletas adultos irão fazer uma panfletagem no centro da cidade.
Pedimos que todos os amantes da modalidade que puderem ajudar participando do buzinaço, entrem em contato comigo pelo email: chinahirata@hotmail.com
Precisamos de carros abertos como pickups, caminhonetes, etc..

Quarta-feira(03dez) - Final do paranaense

A primeira partida da final do paranaense adulto de basquete acontecerá na próxima quarta-feira (03 de dezembro), às 20h30, no ginásio de esportes JK, com entrada gratuita.
Essa é a primeira vez que uma equipe mourãoense chega a uma final do estadual desde 1993, ou seja, 15 anos atrás. é a busca por um título inédito.
Pedimos o envolvimento de todos na divulgação do jogo para que possamos lotar o ginásio Jk.

domingo, 23 de novembro de 2008

CM na final do estadual adulto

A equipe de basquete masculino Integrado/Fecam/Campo Mourão garantiu uma das vagas para a grande final do campeonato estadual adulto e busca agora o título inédito frente à equipe do Inesul, de Londrina.
A obtenção da vaga foi determinada pela derrota de Astorga para Inesul por 37 pontos, no último sábado. Dessa maneira, Londrina passou a ter três vitórias, Campo Mourão duas, e Astorga nenhuma. Assim, a equipe mourãoense não pode mais ser alcançada por Astorga.
O jogo entre Campo Mourão e Astorga, marcada para sexta-feira, só servira para definir qual equipe (Campo Mourão ou Inesul/Londrina) ficará com a primeira colocação na fase semifinal e terá a vantagem de jogar duas partidas em casa no play-off final. Em caso de vitória mourãoense, haverá empate entre Campo Mourão e Londrina no número de vitórias (3), e a vantagem será definida pelo melhor saldo de pontos.
Essa é a primeira vez que Campo Mourão chega a uma final do estadual depois da era Billy. A última final de um estadual adulto com participação de uma equipe mourãoense aconteceu em 1993, quando Campo Mourão enfrentou os pontagrossenses, do técnico Saulo e acabou perdendo, por isso, esse play off final tem tudo para ser um marco histórico para a modalidade.
Os jogadores e a comissão técnica comemoram muito a classificação para a final. Segundo o técnico Emerson Luis de Souza essa é uma oportunidade de ouro para muitos atletas. “Não é qualquer jogador que tem um título estadual adulto no currículo, por isso estou pedindo muita determinação nos treinamentos, para que possamos trazer esse título inédito para a cidade e para os atletas”, relata o treinador.
O armador Carlos Bueno é um dos mais entusiasmados com essa final. “Treinamos muito duro durante toda a temporada. A classificação para a fase final do sul-brasileiro e agora a vaga para a final do estadual são indícios que estamos no caminho certo. Temos que lembrar que esse sucesso depende também dos nossos patrocinadores Fecam e Colégio Integrado, bem como do apoio da Fisioterapia Betel, Academia Dinâmica, e da nossa torcida maravilhosa. Tem muita gente que acredita no nosso projeto, por isso não vamos poupar esforços para ser campeões” promete Bueno.

Finais do Brasileiro Juvenil adiado

COMUNICADO

A organização do 58º Campeonato Brasileiro Sub-17 Masculino – Divisão Especial e do 32º Campeonato Brasileiro Sub-17 Feminino – Divisão Especial em decorrência das fortes chuvas que alagaram a cidade de Joinville, impedindo a circulação normal de veículos; da impossibilidade de utilização dos ginásios; da programação de retorno das seleções aos Estados de origem, que impossibilitam o adiamento ou transferência dos jogos; e visando salvaguardar a integridade física dos atletas, COMUNICA o cancelamento dos jogos previstos para o dia 22/11/2008. As decisões técnicas relativas as competições serão exaradas posteriormente pelo Departamento Técnico da CBB.

fonte cbb

Cesta da Tribuna - 23 de novembro

CM fica em quarto no Sul Brasileiro
A equipe de basquete masculino adulto Integrado/Fecam/Campo Mourão terminou o quadrangular final do 6º Campeonato Sul Brasileiro de Basquete em quarto lugar. Joinville sagrou-se bi-campeã, Lageado-RS foi vice, e Caixas do Sul-RS ficou em terceiro. Confira abaixo as atuações da equipe de Campo Mourão na competição.

A estréia contra Lageado-RS
O jogo foi dominado pelos gaúchos, que se preparam para participar do Brasileiro de Basquete, desde o primeiro quarto. Com altura e porte físico maior, a equipe de Lageado, aproveitou-se disso para vencer a partida contra os mourãoenses por 92 a 61. No outro jogo da rodada, vitória de Joinville sobre Caxias do Sul pelo placar de 88 a 63.

Davi x Golias
Na partida de sábado, Campo Mourão enfrentou a favorita equipe de Joinville, que recentemente trouxe a medalha de bronze do Sul Americano de Clubes. A equipe catarinense conta com jogadores com passagem pela seleção brasileira (Tiagão, Olívia, Manteiguinha, Shilton), pela NBA (Jefferson Sobral) e até um norte-americano, Willians. Dessa vez, Golias engoliu Davi. O placar final registrou 89 a 40. Lageado e Caxias do Sul fizeram o clássico gaúcho no jogo preliminar, com vitória de Lageado por 72 a 62

A disputa pelo Bronze
As equipes de Campo Mourão e Caxias do Sul disputaram o bronze. As duas equipes apresentaram um basquete abaixo do que costumam jogar, devido ao cansaço provocado pelos jogos anteriores. Os gaúchos dominaram a partida, chegando a abrir mais de vinte pontos, mas Campo Mourão valendo-se de uma defesa mais agressiva conseguiu diminuir para dez pontos e dar novas emoções ao jogo. Contudo, no fim prevaleceu a vantagem que Caxias do Sul abriu no início. Placar final: 62 a 69 para os gaúchos. Na partida valendo ouro, confirmou-se o favoritismo dos anfitriões. Vitória de Joinville por 73 a 63 sobre Lageado.

Entre os melhores do sul do Brasil
Apesar das derrotas na fase final, há de se destacar que Campo Mourão hoje figura entre as 4 melhores equipes do sul do Brasil e para tanto deixou para trás equipes tradicionais na modalidade, caso de Londrina, Brusque, Porto Alegre e Blumenau, dentre tantas outras que sequer participaram da competição. Esse é mais um degrau alcançado rumo a Liga Nacional. A caminhada será assim, passos planejados e sem atropelos. Agradecimentos especiais aos empresários e dirigentes que acreditam na modalidade: Faculdade Integrado, Fecam, Fisioterapia Betel e Academia Dinâmica.

Santa Cruz é quinto no Brasileiro Escolar
A equipe de basquete masculino do Colégio Vicentino Santa Cruz terminou em quinto lugar na Olimpíada Escolar Brasileira, realizada na última semana, em João Pessoa-PB. Dessa maneira, Campo Mourão pode se orgulhar de ter a quinta melhor equipe escolar do país. Parabéns a todos os atletas, técnico Emerson e toda a direção do Colégio Santa Cruz.

Esporte: Uma lição de vida
Para a grande maioria foi a estréia em viagem de avião, a aproximação inicial com a região nordeste, a primeira hospedagem em um hotel quatro estrelas, o princípio do contato com adolescentes representantes de todos os outros estados do país, e o convívio com os melhores atletas do Brasil, nessa faixa etária. É o esporte incluindo e ensinando. Certamente, desse “sonho” muitas lições de vida foram aprendidas.

Paraná no Brasileiro Juvenil
A seleção paranaense juvenil masculina foi desclassificada na primeira fase ao perder para Minas Gerais (76 a 73), São Paulo (96 a 71) e vencer o Pará por 83 a 70. Com esses resultados, a equipe do Paraná disputaria ontem de 5º a 8º lugar. Vale lembrar que cinco mourãoenses representam o Paraná nesse certame: o técnico Emerson Luis de Souza e os atletas: Zé Pekeno, Rick Fileni, Rafael Cortez e Maurício Ceolim.

A Emotur foi parceira no Sul Brasileiro
A empresa de transporte rodoviário EMOTUR contribuiu com a participação mourãoense no Sul Brasileiro, transportando os atletas até Joinville com segurança e conforto. Agradecimentos especiais a Renato e Euzi.

Espaço aberto
Acontece no próximo sábado, 29 de novembro, na piscina do Estádio RB, o Campeonato Estadual de Natação - Categoria Aspirantes (não-federados). Equipes de toda a região devem prestigiar o evento, que no ano passado reuniu cerca de 300 participantes. A equipe mourãoense estará representada por 43 atletas, que serão dirigidos pelo prof. Marcelo Freires Alfredo.

sábado, 22 de novembro de 2008

PR disputa o quinto lugar

O Paraná venceu o Ceará por 73 a 60 (29 a 32 no primeiro tempo) no 58º Campeonato Brasileiro Sub-17 Masculino – Divisão Especial. O cestinha da partida foi o ala/armador paranaense Rafael Cortez, com 46 pontos, enquanto o principal pontuador do Ceará foi o pivô Rômulo Jr., com 14 pontos.

Divulgação/ CBB

Com a vitória, o Paraná irá disputar o quinto lugar da competição neste sábado (22), no ginásio Abel Shulz, contra a equipe do Pará, as 15h. A rodada de hoje terá ainda mais dois jogos nesta sexta-feira pelas semifinais: Minas Gerais x Rio de Janeiro (18h30) e São Paulo x Santa Catarina (20h30).

“Começamos o jogo um pouco desconcentrados, errando bolas bobas e cometemos muitas faltas. Com isso, tivemos que mudar a marcação para zona, o que dificultou nosso ritmo de jogo. No segundo tempo melhoramos um pouco, o suficiente para chegar à vitória. Amanhã na disputa do quinto lugar precisamos impor o ritmo desde o início para evitar qualquer surpresa”, explicou o ala/armador Rafael Cortez, do Paraná.

PARANÁ (09 + 20 + 12 + 32 = 73)

Caio (3pts), Guilherme (0), Felipe (2),Rafael (46) e Maurício (0). Depois: Everton (0), Diego (0) José (4 e 6 rebotes), Murilo (0), Allan (4), Leandro (9) e Carlos Henrique (5 e 7 rebotes). Técnico: Emerson Luiz de Souza

CEARÁ (18 + 14 + 11 + 17 = 60)

Victor Gusmão (13pts), Igor (7), Rafael (11) Vitor Santos (6), e Antônio (6 e 14 rebotes). Depois: Rômulo (14 e 8 rebotes), Tomaz (0), Ricardo (0), Yvens (2), Weber (1). Técnico: Dannyel Russo.

De acordo com o regulamento do Brasileiro, na primeira fase as seleções jogaram entre si nos seus respectivos grupos. As duas primeiras colocadas de cada chave se classificaram para a fase semifinal, no sistema de cruzamento olímpico: 1º A x 2º B e 1º B x 2º A. Os vencedores decidem o título no sábado, enquanto os perdedores disputam a medalha de bronze.

Hoje, tem Astorga x Londrina pelo Paranaense

Pelo Campeonato Estadual Adulto Masculino, patrocinado pela Aquarius Fresh, Frigorífico Argus, Unimed Curitiba, Penalty e Paraná Esporte, uma partida será realizada neste sábado (22), em Londrina.

Divulgação/ Assessoria

No ginásio do Sest Senat em Londrina, a ADL/ Inesul/ Londrina recebe a equipe do Colégio Geração/ Astorga, as 16h. A ADL/ Inesul/ Londrina é a segunda colocada da competição, com os mesmos cinco pontos do Integrado/ Fecam/ Campo Murão (primeiro colocado), porém com um saldo de cestas inferior. Já o Colégio Geração/ Astorga é o terceiro colocado dom 2 pontos.

No dia 28 de novembro, o Colégio Geração/ Astorga recebe o Integrado/ Fecam/ Campo Mourão, as 20h, no ginásio municipal de Astorga, pela última rodada da fase de classificação do estadual.

Divulgação/ Assessoria

De acordo com o regulamento da competição, as duas equipes melhores colocadas na fase de classificação fazem a disputa da grande final em sistema de paly-offs (melhor de três partidas).

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

PR vence Ceará e disputa quinto lugar - Cortez foi o cestinha


O Paraná venceu o Ceará por 73 a 60 (29 a 32 no primeiro tempo) no 58º Campeonato Brasileiro Sub-17 Masculino – Divisão Especial. O cestinha da partida foi o ala/armador paranaense Rafael Cortez, com 46 pontos, enquanto o principal pontuador do Ceará foi o pivô Rômulo Jr., com 14 pontos. Com a vitória, o Paraná irá disputar o quinto lugar da competição neste sábado, no ginásio Abel Shulz, contra o vencedor de Pará x Mato Grosso, que estão jogando neste momento. A rodada de hoje terá ainda mais dois jogos nesta sexta-feira pelas semifinais: Minas Gerais x Rio de Janeiro (18h30) e São Paulo x Santa Catarina (20h30).


— Começamos o jogo um pouco desconcentrados, errando bolas bobas e cometemos muitas faltas. Com isso, tivemos que mudar a marcação para zona, o que dificultou nosso ritmo de jogo. No segundo tempo melhoramos um pouco, o suficiente para chegar à vitória. Amanhã na disputa do quinto lugar precisamos impor o ritmo desde o início para evitar qualquer surpresa — explicou o ala/armador Rafael Cortez, do Paraná

PARANÁ (09 + 20 + 12 + 32 = 73)
Caio (3pts), Guilherme (0), Felipe (2),Rafael (46) e Maurício (0). Depois: Everton (0), Diego (0) José (4 e 6 rebotes), Murilo (0), Allan (4), Leandro (9) e Carlos Henrique (5 e 7 rebotes). Técnico: Emerson Luiz de Souza

CEARÁ (18 + 14 + 11 + 17 = 60)
Victor Gusmão (13pts), Igor (7), Rafael (11) Vitor Santos (6), e Antônio (6 e 14 rebotes). Depois: Rômulo (14 e 8 rebotes), Tomaz (0), Ricardo (0), Yvens (2), Weber (1). Técnico: Dannyel Russo.

Amobasquete homenageia radialista Ilivaldo Duarte



Foto do secretário da Amobasquete, Iduarte Ferreira Lopes Jr. entregando uma placa homenageando o radialista Ilivando Duarte.

Tocando de primeira vai falar de basquete - Não perca

Fernandão Gomes, Douglas Moreira e Edson "china" Hirata estarão nesse sábado,a partir das 12h, no programa Tocando de Primeira, do radialista Ilivaldo Duarte, na rádio rural Am. Não percam. Na pauta: Sul Brasileiro e Brasileiro Escolar.

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

PR vence Pará pela terceira rodada do brasileiro

Pela terceira rodada do 58º Campeonato Brasileiro Sub-17 Masculino de Basquete – Divisão Especial, que está sendo realizado no ginásio Abel Schulz, em Joinville, o Paraná venceu o Pará por 83 a 70 (36 a 24 no primeiro tempo). O cestinha da partida foi o paranaense Rafael Cortez com 20 pontos. Pela equipe paraense, o principal pontuador foi Denys Tavares com 15 pontos. A rodada termina com Santa Catarina x Rio de Janeiro (20h30).

PARANÁ (14 + 22 + 19 + 28 = 83)
Guilherme (6pts), Murilo (8), Felipe (12 e 6 rebotes), Maurício (2) e Rafael (20). Depois: Caio (2), Everton (15), José Yuri (5 e 6 rebotes), Allan (8), Carlos Henrique (5), Leandro (0) e Diego (0). Técnico: Emerson Luiz de Souza

PARÁ (14 + 10 + 21 + 25 = 70)
Arlem (10pts), Weverton (6 e 9 rebotes), Adriano (13), Gabriel (10 e 6 rebotes) e Denys (15). Depois: Marcel (0), João Antônio (14), Welber (2), Lucas (0) e Diego (0). Técnico: João Carlos Montoril.

fonte cbb

ULB (Londrina) abandona o paranaense de basquete

Tendo disputado apenas um jogo na competição (vitória sobre Campo Mourão por 74 a 71), o time da ULB/FEL/Londrina abandonou ontem o Campeonato Paranaense de Basquete Masculino. A FOLHA apurou que jogadores do time, dirigido pelo técnico José Saviani, foram liberados na sexta-feira da semana passada para jogarem por outros clubes paulistas pelo fato da equipe londrinense não ter conseguido ainda patrocínio, nem recursos para pagar salário os atletas.

A reportagem entrou em contato com o hotel onde os atletas estavam hospedados desde que chegaram a Londrina, em outubro, e foi informada que eles não residem mais lá.

Na segunda-feira, o treinador informou que liberou os atletas esta semana para disputarem os Jogos Abertos do Interior de São Paulo. ''Assim ganharíamos um pouco de tempo para acertarmos um possível patrocínio e poder com isso acertar pagamentos e viabilizar a equipe'', admitiu. Saviani disse que mesmo com poucos jogadores, marcaria uma reapresentação possivelmente para hoje.

Porém, ontem à tarde o diretor-técnico da Federação Paranaense de Basquete (FPrB), Norton Leitão, informou que a ULB anunciou o abandono do Estadual por não contar mais com atletas no elenco. ''Tinha um jogo deles marcado contra a Inesul, no sábado (às 16 horas, na AABB), aí em Londrina, mas que agora não acontecerá porque a ULB está sem jogadores. Mandaram todos embora na semana passada'', afirmou.

Quando foi procurado no começo da tarde pela FOLHA, o diretor estava na expectativa de receber no máximo até ontem um comunicado da ULB informando a desistência ou não do campeonato e avisou não transferiria novamente o jogo contra a Inesul. ''Essa partida já era para ter sido realizada no último dia 12. Se transferir, prejudica toda a tabela e também as equipes'', justificou.

A reportagem procurou o técnico Saviani e o mesmo não foi encontrado ontem pelo celular. Já Flenik disse à FOLHA que só na sexta-feira poderia dar uma resposta se haveria ou não time para jogar. Perguntado sobre quantos e quais atletas foram liberados, Flenik disse não saber os nomes. ''Não sei porque foi o Saviani que os dispensou'', afirmou.

No final da tarde o diretor da Federação deu o ''veredicto'' final, com a confirmação da desistência feita por Flenik. Agora será feita uma nova tabela com os três times que restaram: Inesul, Campo Mourão e Astorga.

fonte: folha de londrina

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Cesta da Tribuna - 14 de novembro


CM no quadrangular final do Sul Brasileiro
A equipe de basquete masculino adulto Integrado/Fecam/Campo Mourão está participando nesse final de semana, em Joinville, do quadrangular final do 6º Campeonato Sul Brasileiro de Basquete. As outras equipes classificadas são Joinville, Caxias do Sul e Lageado. A presença mourãoense só foi possível graças ao empenho do secretário de esportes Itamar Tagliari e do reforço de patrocínio da Faculdade Integrado.

A programação do Sul Brasileiro
Os jogos começaram na sexta-feira com Campo Mourão x Lageado e Joinville x Caxias do Sul. No sábado, Campo Mourão enfrenta Joinville e Caxias do Sul e Lageado fazem o clássico gaúcho. A rodada final, no domingo, envolve a equipe local contra Lageado e Campo Mourão x Caxias do Sul.

Equipe desfalcada
O time mourãoense certamente sentirá o desfalque de vários jogadores no Sul Brasileiro. Enquanto alguns estão em João Pessoa, no Brasileiro Escolar, outros estão em tratamento fisioterápico. Ivan, Rogério e Christian estão lesionados e Cortez, Rick, Zé Pekeno estão no Brasileiro Escolar. Além disso, a equipe será dirigida interinamente pelo colunista que vos escreve.

Santa Cruz no Brasileiro Escolar
A equipe do Colégio Vicentino Santa Cruz caiu numa chave difícil na Olimpíada Escolar Brasileira, que está sendo realizada em João Pessoa-PB. Os adversários dos mourãoenses na primeira fase foram: Minas Gerais, Alagoas e Rio de Janeiro.

A estréia contra Minas Gerais
A equipe sentiu muito a ausência do armador Ivan Falco, que lesionado, desfalcou a equipe. Além disso, a equipe mineira tinha uma média de altura bem superior à mourãoense e isso acabou dificultando muito o jogo. Vitória da equipe mineira por 96 a 62. No outro jogo da chave, Alagoas venceu o Rio de Janeiro por 10 pontos de vantagem.

Vitória sobre Alagoas deixa esperanças
A vitória do Colégio Santa Cruz, na quinta-feira, sobre o time de Alagoas por 73 a 52, deixou ainda uma possibilidade de classificação. Para tanto, a equipe mourãoense precisa vencer o Rio de Janeiro e fica dependendo dos resultados das equipes das outras chaves, pois o regulamento determina que apenas a melhor equipe de cada uma das três chaves se classifique para as semifinais, juntando-se ao segundo classificado com melhor saldo de pontos. O final dessa história só na próxima coluna.

V8 é campeão do Citadino
A V8 é a mais nova campeã do basquete mourãoense. Em jogo muito disputado contra a UTFPR, Iduarte Lopes, Tiaguinho Souza, Eliseu Souza, Rafinha Fontana, Juju Oliveira, Jorge Oliveira, Anderson “Chanso” Carraro, Tiagão Amaral e Rodrigo “Zé Colméia” Cavalheri representaram a V8, e levaram a melhor. É o primeiro título da equipe, que já é uma das mais tradicionais do basquete de Campo Mourão. Destaque para Eliseu e Rafinha que conquistaram o terceiro título consecutivo do Citadino.

UTFPR é vice
Os atletas que levaram a UTFPR ao vice-campeonato foram: Ismar Kath, Elói Bonkoski, Helton Mazer, Rafão Godói, Agamenon Soares, Ivanilton Polato, Diego, Cleyton Conrado, Juninho Bonfim, Tiaguinho Cechella, José Garaluz, Janderson Bonfim e “China” Hirata. A UTFPR mesclando ex-atletas, veteranos e jovens consolida a tradição de sempre ter uma equipe entre as melhores do município.

Brasileiro Juvenil em Joinville
Acontece, a partir da próxima terça-feira, a final do Campeonato Brasileiro Juvenil Masculino de Seleções, em Joinville-SC. Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Santa Catarina, Pará, Mato Grosso e Ceará disputam o título da competição mais importante do país nessa categoria. Certamente o futuro do basquete brasileiro estará atuando nesse evento.

Mourãenses na seleção paranaense
O técnico mourãoense Emerson Luis de Souza é o responsável pela direção da seleção juvenil do estado do Paraná, que poderá contar ainda com os atletas de Campo Mourão: Zé Pekeno, Rick Fileni, Rafael Cortez e Maurício Ceolim, que estão entre os atletas pré-selecionados.

Espaço aberto
Acontece no domingo, as finais do Campeonato Paranaense Interescolares de Ginástica Rítmica, no ginásio de esportes do Colégio Santa Cruz. A organização está a cargo da Federação Paranaense de Ginástica e conta com o apoio da Academia Fly Dance e Fecam.

fonte: tribuna do interior

Confira as fotos do Brasileiro escolar

PR perde para SP e está fora da briga pelo ouro

Pela segunda rodada do 58º Campeonato Brasileiro Sub-17 Masculino – Divisão Especial, que está sendo disputado no ginásio Abel Schulz, em Joinville, a equipe de São Paulo venceu a do Paraná por 96 a 71 (48 a 33 no primeiro tempo). O cestinha da partida foi o paranaense Rafael Cortez com 28 pontos. O destaque paulista foi Rafael Maia com um duplo-duplo: 19 pontos e 11 rebotes. Com a vitória, São Paulo garantiu a vaga na semifinal da competição. Ainda hoje jogam Pará x Minas Gerais (16h30), Mato Grosso x Rio de Janeiro (18h30) e Ceará x Santa Catarina (20h30).
— Hoje a equipe se achou melhor na quadra, conseguiu fazer uma defesa forte quadra inteira e foi melhor no ataque. O adversário dificultou bastante nossa atuação, mas conseguimos a vitória e a vaga na semifinal. Contra Minas Gerais vamos melhorar nosso jogo e buscar outro resultado positivo para terminar no primeiro lugar da chave — comentou o ala/pivô Rafael Maia, de São Paulo.
— Apesar das duas derrotas para Minas Gerais e São Paulo, o campeonato ainda não acabou para nós. Teremos três jogos pela frente e vamos fazer de tudo para conseguir a melhor classificação possível para o Paraná — disse o ala/armador Rafael Cortez, do Paraná.

PARANÁ (13 + 20 + 14 + 24 = 71)
Guilherme (0pt), Felipe (6), Allan (4), Rafael (28) e Diego (1). Depois: Caio (3), Everton (2), Maurício (8), Murilo (8), Carlos Henrique (0), Leandro (0) e José Yuri (11). Técnico: Emerson Luiz de Souza

SÃO PAULO (25 + 23 + 24 + 24 = 96)
Cauê (9pts), Guilherme (13), Jefferson (13), Willians (15 e 9 rebotes) e Rafael Maia (19 e 11 rebotes). Depois: Rafael Malfi (6), Daniel (6), Thiago (0), Luiz Gustavo (6), Mateus (6), Pedro (3) e Jhonny (0). Técnico: Gustavo

fonte cbb